Chá para acalmar ansiedade: 4 Receitas fáceis que vão fazer relaxar

Hoje você vai arender fazer chá para acalmar ansiedade, são 4 receitas fáceis de fazer que podem te ajudar em momentos de crise.

A ansiedade é uma resposta natural e adaptativa do corpo a situações percebidas como ameaçadoras ou desafiadoras.

Em níveis normais, a ansiedade pode ser uma emoção útil, preparando o organismo para lidar com situações de perigo.

No entanto, quando a ansiedade se torna excessiva, persistente e interfere nas atividades diárias, pode se transformar em um transtorno de ansiedade.

Confira: Ora-pro-nóbis como fazer refogada 

4 Receitas de chá para acalmar ansiedade

1. Chá de Camomila e Lavanda: Uma Infusão Tranquilizante

Ingredientes:

  • 1 colher de chá de flores de camomila secas
  • 1 colher de chá de lavanda seca
  • Mel a gosto (opcional)

Instruções:

1. Ferva uma xícara de água.

2. Adicione as flores de camomila e lavanda em uma infusão.

3. Despeje a água quente sobre as ervas e deixe em infusão por 5-7 minutos.

4. Coe a mistura em uma xícara.

5. Adoce com mel, se desejar.

6. Saboreie lentamente, permitindo que os aromas suaves acalmem seus sentidos.

2. Chá de Hortelã com Maracujá: Refrescante e Relaxante

Ingredientes:

  • 1 saquinho de chá de hortelã
  • Polpa de meio maracujá
  • Mel a gosto

Instruções:

1. Prepare o chá de hortelã seguindo as instruções da embalagem.

2. Adicione a polpa de maracujá ao chá quente.

3. Deixe a mistura repousar por 3-5 minutos.

4. Coe o chá em uma xícara.

5. Adoce com mel, se preferir.

6. Desfrute deste chá refrescante que combina os benefícios relaxantes da hortelã com a serenidade do maracujá.

3. Chá de Erva-Cidreira e Gengibre: Uma Mistura Calmante e Revigorante

Ingredientes:

  • 1 colher de chá de folhas de erva-cidreira secas
  • 1 colher de chá de gengibre fresco ralado
  • Mel a gosto

Instruções:

1. Ferva uma xícara de água.

2. Adicione as folhas de erva-cidreira e o gengibre ralado à água quente.

3. Deixe em infusão por 5-7 minutos.

4. Coe a mistura em uma xícara.

5. Adoce com mel, se desejado.

6. Sinta a combinação da erva-cidreira, conhecida por suas propriedades calmantes, com o toque revigorante do gengibre.

4. Chá de Passiflora (Flor de Maracujá): Uma Opção Naturalmente Calmante

Ingredientes:

  • 1 colher de chá de flores de maracujá secas (passiflora)
  • 1 saquinho de chá de camomila
  • Mel a gosto

Instruções:

1. Ferva uma xícara de água.

2. Adicione as flores de maracujá e o saquinho de chá de camomila à água quente.

3. Deixe em infusão por 5-7 minutos.

4. Coe a mistura em uma xícara.

5. Adoce com mel, se preferir.

6. Desfrute deste chá delicado, que combina as propriedades relaxantes da passiflora com a suavidade da camomila.

Estas receitas de chás são ótimas opções para acalmar a ansiedade de forma natural.

Lembre-se de que, além do consumo de chás, é importante buscar outras estratégias para gerenciar a ansiedade, como práticas de mindfulness, exercícios físicos regulares e uma dieta equilibrada.

Consultar um profissional de saúde também é sempre aconselhável, especialmente se a ansiedade persistir.

O que causa ansiedade?

Chá para acalmar ansiedade
Chá para acalmar ansiedade

A ansiedade pode ter diversas causas e é influenciada por uma combinação de fatores biológicos, psicológicos e ambientais. Abaixo estão algumas das principais causas e contribuintes para a ansiedade:

1. Fatores Genéticos: A predisposição genética pode desempenhar um papel significativo na ansiedade. Se membros da família têm histórico de transtornos de ansiedade, há uma maior probabilidade de uma pessoa também desenvolver esses sintomas.

2. Desequilíbrios Químicos no Cérebro: Substâncias químicas cerebrais, como neurotransmissores (serotonina, dopamina, e norepinefrina), desempenham um papel crucial na regulação do humor e da ansiedade. Desequilíbrios nesses neurotransmissores podem contribuir para o desenvolvimento de transtornos de ansiedade.

3. Eventos Traumáticos: Experiências traumáticas, como abuso, perda de entes queridos, ou eventos extremamente estressantes, podem desencadear a ansiedade. A resposta do corpo ao estresse pode persistir, levando a um estado crônico de ansiedade.

4. Estresse Crônico: Altos níveis de estresse contínuo, seja no trabalho, nos relacionamentos ou em outras áreas da vida, podem ser um fator desencadeante ou contribuinte para a ansiedade.

5. Condições de Saúde: Algumas condições médicas, como problemas hormonais, problemas de tireoide, e condições neurológicas, podem contribuir para a ansiedade. Certas substâncias, como cafeína, álcool ou drogas, também podem desencadear ou agravar a ansiedade.

6. Fatores Ambientais: Ambientes estressantes, falta de apoio social, pressões financeiras e eventos negativos podem aumentar a probabilidade de desenvolver ansiedade.

7. Transtornos Psicológicos: Transtornos mentais, como depressão, transtorno obsessivo-compulsivo (TOC), transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) e fobias, frequentemente coexistem com transtornos de ansiedade, contribuindo para a sua complexidade.

8. Personalidade e Estilo de Vida: Certas características de personalidade, como perfeccionismo ou tendência a preocupações excessivas, podem aumentar o risco de desenvolver ansiedade. Além disso, hábitos de vida, como má alimentação, falta de exercício e sono inadequado, também podem influenciar negativamente o estado emocional.

É importante notar que a ansiedade pode ser uma resposta normal ao estresse e desafios da vida, mas quando se torna excessiva, persistente e interfere nas atividades diárias, pode ser indicativo de um transtorno de ansiedade que pode necessitar de intervenção profissional.

Se você ou alguém que você conhece está enfrentando problemas significativos de ansiedade, é aconselhável buscar a orientação de um profissional de saúde mental.

Gleyson Norte

Chef de cozinha e autor do blog Cantinho da Comida.Trabalho como chef de cozinha, sou apaixonado por culinária, sou o fundador deste blog e pretendo passar todas as receitas que aprendi ao longo de 16 anos na área de gastronomia. ❤️

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo